• entrepreneurs & politician lobbying firm
  • Como é que uma agência de Relações Políticas pode fazer crescer o seu negócio em África?

    22/07/2019

    Trabalhe durante décadas para desenvolver uma imagem positivo em torno da sua marca. Crie boas relações com os decisores e políticos para que as políticas que implementem não interfiram com os seus interesses de negócio. Mantenha uma relação saudável com a imprensa local para conseguir um bom alcance nos meios. E o mais importante, garante que a opinião pública está do seu lado.

    Esta é uma forma de conseguir que o seu negócio cresça em África.

    Felizmente para si, existe uma maneira mais fácil. O que tem de fazer é contratar uma agência de relações políticas e relaxar – numa questão de meses a agência resolve os seus problemas.

    Vejamos alguns exemplos de como isto pode acontecer, e como uma agência de relações políticas pode fazer crescer o seu negócio em África.

     

    1.   Canalizar a opinião pública em seu favor

    Qual é a melhor forma de fazer com que a opinião pública esteja positivamente do lado do seu negócio? Mostrar que os interesses do seu negócio convergem com os interesses das massas. Ou seja, o que é melhor para o seu negócio é também o melhor para uma pessoal qualquer que esteja a passar na rua.

    É exatamente isso que as campanhas públicas fazem. Encontrar os pontos comuns entre os seus interesses e os do público. Após essa análise, a agência enceta campanha de publicidade para que o pública saiba que está do seu lado – que o seu negócio quer o que eles querem.

    Assim, consegue criar uma imagem positiva do seu negócio na opinião pública.

    2. Desenvolver relações de apoio

    Para fazer crescer o seu negócio, são necessários dois tipos de relações.  Primeiro, como já referimos, precisa de uma relação favorável com o público. Segundo, e talvez mais importante, estão as relações com os decisores – é fundamental que o seu negócio seja bem aceite e visto com boas intenções entre os decisores do país em questão.

    Mais uma vez, uma agência de relações políticas, auxilia-o a desenvolver essas relações. Para além da obtenção do interesse das massas – como acima referimos – estas agências têm contactos que se estendem até aos mais altos cargos e círculos políticos.

    Assim, conseguem fazer perceber aos políticos que o que é bom para o seu negócio também é bom para o eleitorado. O que é bom para o seu negócio é também o que a pessoa que votou nas últimas eleições quer. Após isto ficar claro entre todas as partes, o seu negócio tem atenção imediata com poder negocial.

    3.   Influenciar as políticas do governo

    A partir do momento que tenha a opinião pública do lado do seu negócio – e tenho também um bom suporte por parte dos decisores – está automaticamente numa boa posição para influenciar as políticas governamentais. E recorde-se, não existe nada de ilegal nisso.

    Pelo contrário, ao influenciar os decisores, só estará a tentar com que as políticas criadas sejam não só condizentes com os seus interesses, mas, consequentemente, do interesse da maior parte da população. Assim que a legislação seja posta em prática, o seu negócio beneficiará automaticamente delas.

    4.   Gerar cobertura mediática positiva

    Atualmente, se o seu negócio não tem uma boa reputação nos media poderá ser o fator que o leve ao fracasso. Independentemente de quão bons possam ser os seus produtos/serviços, da qualidade que o seu serviço ao cliente tenha e por mais correta seja o seu tratamento dos colaboradores, uma má notícia nos media e o seu negócio pode levar um golpe potencialmente fatal.

    É por isso que uma das principais zonas de ação das agências de relações políticas está afeta à criação de um bom ambiente em volta do seu negócio junto dos media. Este bom ambiente leva a que, quando as coisas correm bem, o seu negócio seja publicitado muitas das vezes sem qualquer custo associado.

    Se eventualmente algo corre mal, é possível que possam ser publicadas notícias menos benéficas para o seu negócio. É por isso que, mantendo boas relações com os media, é um bom mecanismo de proteção para estes momentos – não permitindo que estas notícias cheguem até aos seus clientes.

     

    Saiba mais sobre a Lobbying Africa, siga-nos @ LinkedInTwitterInstagram and Facebook.

    FACEBOOK
    TWITTER
    YOUTUBE
    LINKEDIN
    INSTAGRAM

    Deixe um comentário

    O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

    Latest News